domingo, dezembro 07, 2008

Havia sardinhas de escabeche


Não foram enguias (como será no dia 13, em Vagos, para os CAVALOS), mas havia sardinhas de escabeche, que estavam uma maravilha!
Este foi o fim de semana do encontro de velhos amigos e, ao mesmo tempo, a celebração do sexagésimo aniversário do nosso amigo António Ramos, da Figueira da Foz.
Só foi pena que o tempo estivesse tão chuvoso..
Não éramos muitos, até porque faltaram alguns que faziam parte do grupo, mas, como se costuma dizer, éramos bons.
E boa foi a sensação de perceber que, apesar de terem passado mais de dez anos, a conversa fluía como se tivéssemos estado todos juntos no Briosa, como dantes fazíamos quase todos os sábados.
A vida encarregou-se de nos separar e cada um foi para seu lado e o contacto ficou suspenso... Mas o António arranjou uma maneira de nos juntar de novo e... foi óptimo!
Conversámos, recordámos tantas coisas, rimos das tantas coisas giras que fizemos pelas ruas do Casino, lembrámos os nossos jantares de aniversário nas tascas junto da Faculdade de Letras... Nem a presença dos filhotes nos fizeram refrear as lembranças e só lamentámos que não estivessem todos.
A partir de agora não nos podemos deixar cair no esquecimento e temos de fazer deste encontro o primeiro de muitos. Há muita coisa boa para viver e para partilhar.



Mas ontem estivemos em Coimbra e foi muito bom andar por aquelas ruas cheias de iluminações natalícias.
E a saudade apertou mais um bocadinho...

video
(se não conseguirem ver à primeira, não desistam)

2 comentários:

  1. Realmente foi só chegar a Ponte de Sôr e lá está a Romicas, a pôr em dia, o seu "Blog". Desta vez, para relatar um Sábado muito especial! Um encontro de Amigos! Embora, tivessem passado dez anos, ou mais, sem nos vermos, as conversas fluíram normalmente, como se o tempo não tivesse passado. Que bom! Quero, neste espaço, agradecer ao António e à Maria João, a forma tão hospitaleira, como fui recebida. Parabéns aos Dois.

    ResponderEliminar
  2. Foi de facto um reencontro de amigos. Um serão bem passado, idêntico a tantos outros, com a única diferença de que neste já estiveram presentes os nossos descendentes...
    Mafalda

    ResponderEliminar